terça-feira, junho 26, 2007

Ano I, Número 23-B






SÓ POSSO DAR RAZÃO AO VIZINHO



O Grêmio, efetivamente, é tudo que ele falou. É um time "de segunda" e "meia-boca"que não vence fora de casa e só perde de goleada. O Lúcio não joga nada, o Schiavi é uma piada e o Patrício é uma nulidade. O Boca nos deu um baile e nos ensinou a dançar tango. Mas e o que sobra para o time dele?!


"Os 'meia-boca' deram um banho nos 'boca-aberta'"


Com todos esses defeitos, fomos lá no nosso puxadinho - onde fizemos nosso salão de festa - e tiramos o time dele para dançar. Os dois a zero ficaram de bom tamanho, pois mais gols e fatalmente o Gallo cairía. FICA, GALLO!


"Padaria Olímpico informa: O 'sonho' acabou, mas ainda há 'chocolate' de sobra em 2007!"

Lúcio foi suficente para vencer o clássico. Schiavi foi um gigante. Ninguém passou pelo Patrício. Gavillán finalmente encontrou um clube de verdade para jogar. Sandro Goiano é o capitão. Diego Souza passou por cima da meia-cancha vermelha.

"Quem ri por último, ri... domingo!"

E é verdade que a torcida colorada canta 90 minutos. Ouviu-se por muito tempo os "Burro! Burro!", os "Adeus, Gallo!" e os "Uuuuuuuuuh!". Assim, por mais festa que a pequena massa de tricolores presentes no estádio tenha feito, ficou abafada por toda essa cantoria colorada.

"Foi um gol para cada mil gremistas. Ainda bem que o Píffero reduziu os ingressos."


Pouco mais de 33 mil torcedores e um enorme vazio onde poderia estar a torcida do Grêmio, caso fossem disponibilizados os ingressos como normalmente. Está na hora de se criar um plano de segurança para que gremistas e colorados possam freqüentar o estádio sem maiores tumultos. Por que não dividir o acesso dos torcedores em áreas exclusivas para gremistas e colorados?! Por que não impedir o acesso dos baderneiros nos próximos jogos do seu time?! O Gre-Nal tem que voltar a ser o que era. O Gre-Nal tem que ser uma atração turística da cidade.

"O triste é que Grêmio continua sem vencer FORA DE CASA"

Necessitávamos mostrar a força da Imortalidade após a derrota na final da Libertadores (em que fase foste eliminado, mesmo, vizinho?). E a resposta veio da melhor maneira possível. Mais uma grande atuação do time. Tudo bem pensado e planejado pelo Mano Menezes. O Grêmio jogou a européia, com duas linhas de 4 - Patrício, Schiavi, William e B. Telles; D. Souza, Sandro, Gavilán e Lúcio - na frente, Ramon e Éverton. De Patrício e B. Telles se exigiu somente o que eles sabem ser: zagueiros. Quase não subiram. Com Gavilan e Sandro à frente dos centrais, criou-se uma barreira impenetrável. Quando os colorados passaram a alçar a bola na área, Schiavi cresceu. O argentino repetiu a atuação que teve diante do Cerro Portenho. Espera-se que não leve outros 4 meses para fazer de novo.

"Torpedos vem, mas voltam!"

Semana que vem, vamos à Santos. Jogaremos na Vila, onde só vencemos UMA VEZ. Continuamos sem vencer fora de casa desde o jogo contra o Caxias pela Primeira Fase do Estadual. Além disso, o time estará desfalcado de Tuta, Tcheco e C. Eduardo. Sem contar que Lucas foi vendido e Teco está fora pelo resto da temporada. Dos reservas, não contaremos com Amoroso, Schiavi e B. Telles. Será uma semana em que Mano Menezes terá que formar um novo time. Meu palpite? Saja; Patrício, William, Pereira e Lúcio; Gavilán, Sandro, Diego Souza, Itaqui e Ramon; Douglas (Éverton). Qualquer pontinho é lucro...


Saudações IMORTAIS de quem manda na aldeia,
Paulo Roberto Tellechea Sanchotene - sancho.brasil@gmail.com



SEGUIMOS NA DIANTEIRA...

SPORT CLUB INTERNACIONAL 137 X 117 Gfpa


Se considerarmos a média de 2 clássicos que vem sendo mantida nas últimas temporadas, chegaremos à conclusão que o vizinho terá de vencer gNAIS durante 10 anos, sem empate ou derrota alguma, para alcançar o PAPAI COLORADO DA ALDEIA PAMPEANA.

O CLÁSSICO

Mas, de toda forma, não posso deixar de reconhecer a superioridade do rival no clássico n. 368. Hermano Menezes, mais uma vez, desenhou muito bem sua equipe e foi superior nas concepções de futebol, o que justifica, plenamente, a vitória da equipe mais fraca.

GALLO

Além disso, Gallo contribuiu, e muito, para o fracasso. O desmanche da equipe na segunda etapa foi lastimável; alterando praticamente todas as posições e o sistema de jogo e possibilitando ao adversário que assumisse o controle total da partida.

CRISTIAN

Já bastavam as atuações pífias de Cristian e suas atitudes irresponsáveis, como a expulsão no início da partida contra o Vélez, para que eu quisesse vê-lo longe do Beira-Rio. No gNAL foi totalmente anulado pelo ex-jogador Schiavi. Hoje leio e ouço suas reclamações quanto ao não aproveitamento na equipe. CHEGA! FORA CRISTIAN!

CLEMER

Também não posso mais conceber a manutenção de Clemer do arco. Fosse Renan o protagonista da bizarra reposição de bola nos pés de Lúcio (que, diga-se, alterou todo o panorama do clássico) e estariam chovendo contestações ao jovem goleiro. TÁ NA HORA DE MANDAR O CLEMER PARA O ESTALEIRO!

RÁPIDAS

Nenhum acontecimento de violência/vandalismo envolvendo as torcidas, a apontar para acerto da decisão de limitar gradativamente os ingressos à torcida adversária.

Iarley tem sido, além de útil à equipe, um grande líder.

Suas declarações, ao final do clássico, reconhecendo péssima atuação, é rara no futebol, aonde o narcisismo predomina (vide declarações de Cristian esta semana).

Marcão já demonstrou o que vínhamos apontando nesse espaço desde o princípio da temporada. Trata-se de um ótimo zagueiro, seguro, firme e com liderança e visão de jogo.

Ceará segue atuando exatamente da mesma forma que atuou na temporada passada. É o jogador mais regular de nosso plantel. Todavia, seu futebol útil está sendo engolido pelas más atuações do coletivo.

Lesão de Rubens Cardoso, minutos após o ingresso, e precedida de descontentamento pela preterição na equipe, ficou bastante suspeita. Pareceu-me “corpo mole”, o que seria um fato grave e lamentável.

Para terminar a coluna, já que não fomos bem neste último clássico, vale a lembrança e a imagem do GOL 1000 DE FERNANDÃO (que fez falta domingo hein!).

Saudações rubras, DO LÍDER NA ALDEIA PAMPEANA, ATUAL CAMPEÃO DO MUNDO e DETENTOR DA TRÍPLICE COROA MUNDIAL.

Luiz Portinho –
lcportinho@yahoo.com.br

19 comentários:

Tiago F. disse...

Ok. Não se pode ganhar todas. A cada três anos temos q passar por isso... hehehehe

Pelo que o colorado jogou a folgação até que tá saindo barata.

Parabéns aos tricolores. É a primeira vez que vocês ganham de um atual e autêntico CAMPEÃO DO MUNDO!!!

Ricardo A. - Colorado em SP disse...

Sancho.. realmente o Brother Menezes soubre armar muito bem o time.. Parabéns pela vitória

Mas como o brasileiro não terminou.. A felicidade dura até a rodada seguinte.

abraços..

Na Cara do Gol disse...

O grenal foi surpreendente não pela vitória tricolor, mas sim pea escalação do Grêmio. Mais um exemplo de superação em clássicos, e mais uma vez também vemos que tudo se iguala quando batem de frente rivais. Aqui em Minas o Galo não controlou o ímpeto e foi para cima por conseguir facilmente a bola, dando o espaço que os adversários queriam para jogar no contra-ataque. Apesar disso, o Inter não terá tantas oportunidades no próximo jogo, com certeza. Um abraço aos colegas do Rio Grande!

Felipe Scheid

Vinicius Grissi disse...

O fim de semana foi azul! Não resta dúvidas. Depois do baile na Libertadores, uma vitória convincente do Grêmio. Depois da perda do Mineiro, uma vitória convincente do Cruzeiro. Uma prova de que alguns times que se acham gigantes por aí, já deram o que tinham que dar, e se encontram em declínio absoluto. Não tem mais pra onde crescer.

Ficamos sumidos por causa do final de semestre apertado, mas estamos de volta...

Grande abraço ao RS!

San Tell d'Euskadi disse...

Certo, Tiago. Estamos felizes por repetir o feito de Ulbra (2x), Santa Cruz, Juventude, Veran�polis, Pachuca, Botafogo, Atl�tico Paranaense e Fluminense...

lcportinho disse...

Legal ver todos esses comentários, especialmente da COLORADAGEM! Estou com o Tiago, de tempos em tempos, temos de sofrer uma derrota (rara!). Mas ainda temos nossos 20 de vantagem e já se vão 62 anos na dianteira de clássicos.

lcportinho disse...

Sancho, tu tá te esquecendo que já perdeu Copa Brasil para o Criciuma? Que já foste eliminado do gauchao pela mesma ULBRA, 15 de Campo Bom, Brasil de Pelotas... E não te esquece dos 18 clubes da PRIMEIRA DIVISÃO que te jogaram lá no limbro da SEGUNDONA... vai lamber tuas feridas tchê!

San Tell d'Euskadi disse...

Eu não tenho feridas. Depois de uma vitória em clássico, tudo se cura. Deixo as lambidas para ti.

Cuidado que teremos mais um clássico semana que vem - o clássico "Ga-Llo" - e teu time não pode se dar ao luxo de perder a quinta partida em oito rodadas.

lcportinho disse...

mas vem cá, tu perdeste 7 partidas em 7 e nada aconteceu...

Anônimo disse...

Pode não ter acontecido nada, mas lembra: teu inter não chega aos pés do meu Grêmio!
Talvez aconteça aquilo que vcs acreditam existir no caminho de vcs: o azar!

Dificil escrever essa semana, não!?!

Anônimo disse...

Já ia esquecendo: foram 6 em 6, mas de competições diferentes...

Tiago F. disse...

Po anônimo! Que afirmação contraditória esta tua. Se o meu inter não chega aos pés do teu gremio, me explica como é que já fazem 62 anos que o gremio esta devendo grenais pro inter... tu já pensou nisso?

Eu penso um pouco diferente. Acho que o inter e o gremio dividem com o san pablo o status de três maiores times do país, atualmente.

De qualquer forma parabéns pela vitória do teu time no domingo. Ela foi mais do que merecida.

DJ Aldebaran disse...

FICA GALLO!
FICA CLEMER!
FICA PIFFERO!

San Tell d'Euskadi disse...

Bah! O cidadão vem, não se identifica e ainda chuta para fora.

Tchê, como representante gremista deste blogue, estou "bem" arrumado...

lcportinho disse...

engraçado, depois de levar CINCO nas costas do Boca Jrs., o Sr. Aldebaran virou cabo eleitoral de causas Coloradas.

lcportinho disse...

e vem aí Boca x Inter, em jogos de ida e volta, Beira-Rio e Bombonera, dois maiores templos do futebol sudamericano.

QUE GRANDE CONFRONTO!

San Tell d'Euskadi disse...

Só com convite para vocês jogarem contra eles. Se dependesse só dos resultados de campo...

Tiago F. disse...

Pois é... será um jogo entre os dois unicos clubes que foram campeões continentais em 2007. E em uma situação bem peculiar: um passando passando a faixa para o outro.

San Tell d'Euskadi disse...

Quase iguais os torneios, não?!

Além disso, campeões continentais, Pachuca, Sevilha e Milan também foram...