quarta-feira, junho 17, 2009

Ano III, Número 126


PODE CHOVER CANIVETE


Mas todos os caminhos levam ao Monumental nesta quarta-feira. O Caracas não é esta barbada toda que alguns andam apregoando e, como todo adversário de Libertadores, deve ser encarado com seriedade. Afinal, o GRÊMIO ganhou sua fama de copeiro justamente por não subestimar nenhum adversário, e quando o fez, acabou caindo pelo caminho.

Portanto, hoje precisamos de 50 mil vozes apoiando e empurrando o time. Mesmo com frio, com chuva, com o horário de boate. Estejamos com o GRÊMIO rumo à classificação para a semifinal.



LIBERTADORES

Antes do confronto contra “los rojos” do Caracas, é bom dar uma olhadinha em Palmeiras X Nacional. Não acredito muito no Palmeiras, que empatou em casa em 1x1 e tem que encarar a parada duríssima no Estádio Centenário em Montevidéu. E também, da mesma forma que ovelha não é pra mato, Luxemburgo não é pra Libertadores. Mas se formos encarar o Palmeiras projetando uma eventual final, já temos experiência em acabar com a empáfia do pombo de fatiota.


LIBERTADORES II

E quinta-feira é dia de conferir São Paulo X Cruzeiro. Passando pelo Caracas, nosso adversário virá deste jogo. Vitória simples por 1x0 dá São Paulo, visto que o primeiro jogo foi 2x1 pro time mineiro.

Eu já vou me adiantando e declarando minha preferência pelos comandados de Muricy Ramalho. Afinal, o Cruzeiro é bem mais copeiro, já nos eliminou em Libertadores (ao contrário do São Paulo), tem um time melhor, e nós sempre enfrentamos dificuldades lá no Mineirão. Do Cruzeiro, só ganhamos lá duas vezes na história.

E fora que eliminar o São Paulo é bem mais gostoso...


O FRACO EMPATE COM O FLU

A estreia do 4-4-2 pode ser considerada boa. No entanto, o GRÊMIO de novo esbarrou nas chances perdidas. Até os 9 minutos, perdemos 3 chances claras de matar o jogo. Duas com Alex Mineiro e uma com Maxi Lopez.

Depois de então, o GRÊMIO não mais jogou. E só não perdemos pelas deficiências da equipe comandada por Parreira que, quando conseguiu chegar à frente, esbarrou nas defesas do goleiro Marcelo Grohe, em tarde inspiradíssima.

Destaque negativo para Douglas Costa, que entrou para dar movimentação ao meio-campo e acabou sendo expulso depois de fazer duas faltas para cartão amarelo. Mais um que deveria entrar no rol dos multados por causa disto. Daí levamos um sufoco no final e, por muito pouco, não vimos se repetir o filme do Barradão.

No final das contas, o 0x0 acabou sendo um escore merecido.


A QUESTÃO DO PATROCINADOR

Impressionante como o GRÊMIO joga dinheiro fora. Renovar com o Banrisul por 7 milhões anuais é desperdiçar um potencial de marketing excepcional que o GRÊMIO tem. Enquanto Corinthians, Palmeiras e São Paulo fecham patrocínios na casa de 15 a 20 milhões, nós acabamos presos neste provincianismo de que uma mesma empresa tem que patrocinar os dois clubes.

Aliás, é só aqui que eu vejo acontecer isto. Porque Atlético-MG e Cruzeiro têm patrocínios diferentes? O mesmo acontece com Boca Juniors e River Plate e outros exemplos de rivalidades regionais.

E outra: se falou muito no final do ano passado que o GRÊMIO tinha uma proposta de 15 milhões de uma multinacional para patrocinar nossa camiseta. Se esta proposta realmente existiu, o que aconteceu com ela?

Infelizmente temos que aguentar o Banrisul por mais 3 anos na nossa camiseta.


COPA DO BRASIL

Nesta quarta-feira, dia 17 de junho, comemora-se 8 anos da conquista da quarta Copa do Brasil pelo GRÊMIO. Após um empate em 2x2 em casa, obtido depois de estarmos perdendo por 2x0, o GRÊMIO mostrou mais uma vez sua grandeza e derrotou o Corinthians por 3x1 dentro do Morumbi, com gols de Marinho, Zinho e Marcelinho Paraíba.


RAPIDINHAS

O Corinthians não vai perder OUTRA final de Copa do Brasil pro Tite, né? Mas agora o treineiro do outro lado é o Mano Menezes e não o pombo de fatiota.


William vai parar o tal do Taisson e o gordo Ronaldo vai meter bucha neles.


Mais um capítulo da novela Renato: agora a especulação da vez é que ele estaria acertado e que seria anunciado após o jogo contra o Caracas.


Quarta-feira é dia de triunfo dos mosqueteiros, tanto no Olímpico quanto no Pacaembu.


Vale lembrar para aquela gente que nunca o time que disputou a primeira em casa perdeu como mandante.


E daí, vizinho, quando vais me responder a respeito do desafio que te fiz há duas edições atrás? Vamos lá ao acervo do Correio do Povo ou vais amarelar?


Salve o Corinthians!


Saudações imortais desde a Libertadores da América,


Leonel Knijnik (DJ Aldebaran)
Gaúcho por Tradição e Gremista de Coração


CONCENTRAÇÃO TOTAL

.

Semana de decisão é semana de concentração total. Não há como pensar de outra forma. Domingo entramos com o time reserva contra o Vitória e o empate em oxo terminou sendo coisa boa, tamanho o foco de todo grupo na primeira partida da final. Até mesmo reservas foram poupados, como foi o caso de Danilo e Andrezinho (este entrou, e muito bem, na segunda etapa). Ficou evidente que no Beira-Rio todos estão com pensamento e coração nos primeiros 90 minutos da finalíssima contra o Corinthians. Estou confiante de que o INTERNACIONAL volta de São Paulo com ótimo resultado na bagagem. As demonstrações de dedicação que os suplentes ofertaram nas oportunidades que tiveram de entrar em campo são dignas de confiança para todos os Colorados. E todos nós conhecemos a tradição do INTERNACIONAL em grandes jogos.

.

DESFALQUES I

.

Chegaremos com quatro desfalques terríveis. Bolívar, Kleber, D´Alessandro e Nilmar são titulares em qualquer equipe do mundo. Farão falta sim, não há como negar. Bolívar além de se constituir numa barreira intransponível no lado direito da defesa é um grande líder. Kleber é o mais contestado dos quatro, mas não se pode negar a qualidade técnica do lateral que ocupa a posição na seleção brasileira. Em D´Alessandro perdemos muito de criatividade, mas acima de tudo um jogador acostumado a grandes decisões e que sempre cresce neste tipo de jogo.

.

DESFALQUES II

.

Mas a grande ausência, sem dúvida, é Nilmar. E não só pelo talento e qualidade técnica, mas sobretudo pelos espaços que fatalmente serão abertos diante da necessidade de o Corinthians fazer resultado atuando em casa. A velocidade do “golden boy” num jogo com tais características seria fundamental. Mas, como já disse, os suplentes já demonstraram que tem qualidade e dedicação ao esquema tático proposto por Tite. Danilo, M. Cordeiro, Andrezinho e Alecsandro. Serão quatro peças fundamentais lá em São Paulo.

.

CAMINHOS DA VITÓRIA

.

O Corinthians é um adversário respeitável, sempre, em qualquer situação. Mas vejo alguns pontos fracos que devem ser explorados por Tite e seus comandados. Primeiro a zaga é lenta. Wiliam e Chicão dificilmente terão condições de acompanhar Taison, ainda mais se o guri estiver em noite inspirada. É bastante provável que o time paulista jogue com um meia improvisado na lateral esquerda. Tite terá de explorar tal fraqueza, encarregando Danilo, Magrão e Taison de formar uma jogada de triangulação por esse flanco. E, por fim, devemos adiantar a marcação, encurtando o campo para o adversário, porque nossa meia cancha é mais forte do que a do rival. É por aí que buscaremos o resultado positivo.

.

REGULAMENTO

.

Em 1992 perdemos para o Fluminense, nas Laranjeiras, por 2x1. E foi justamente o gol de Caíco (uma pintura memorável, toureando adversários antes de concluir no cantinho do arqueiro); pois foi justamente aquele gol anotado lá no Rio de Janeiro que nos garantiu o título. No jogo de volta, dentro do Beira-Rio, vitória simples nos garantia a Taça. O jogo era conturbado e a torcida se encarregou de exigir do árbitro a penalidade quando Pinga sabiamente caiu dentro da área. Eu estava lá atrás da goleira e com mais 80 mil Colorados exigi a penalidade. Bico de Célio Silva, com direito a chute no chão, e gol do título. A Copa Brasil 92 era nossa, com o regulamento embaixo do braço.

.

SELEÇÃO I

.

Foi visível o boicote imposto por Robinho e Kaká a Nilmar. Robinho, especialmente, não passou sequer uma bola ao companheiro de ataque. Eu nunca tinha visto coisa parecida. Mesmo assim, Nilmar anotou seu gol. Um golaço com direito a passe de peito e tabela com o zagueiro adversário. Fosse anotado pelo R. Nazário e o narrador oficial teria um chilique! – estaria gritando até agora.

.

SELEÇÃO II

.

Dunga segue vencendo tudo e todos. Lúcio é o Capitão e a fortaleza da zaga. Kleber titular absoluto da lateral esquerda. Nilmar atuando desde o início contra o Paraguai e anotando gol. E o goleirinho peito de madeira da azenha, pelo visto, virou carregador de luvas do J. César e do Gomes. Não é a toa que se ouviram foguetórios em Porto Alegre quando do gol paraguaio. É muita inveja!!!

.

ESTÁ REGISTRADO NA HISTÓRIA

.

Nem só das coisas ruins lá da azenha é feita a história (sorte a nossa!). L. C. Reche, no seu tradicional “Por onde anda?!”, na rádio Guaíba AM, trouxe o nosso inesquecível Príncipe Jajá. Esse é mais do que um registro na história, é um ícone, uma saudade Colorada. Jair era um meia direita que possuía um chute potente. Jogava muita bola o Príncipe. O apelido que lhe caiu como uma luva foi atribuído por Dadá Maravilha. Em 1976 ao ser indagado por um repórter sob a condição de Rei, Dadá abraçou Jair que estava a seu lado e declarou: “se sou o Rei Dadá este aqui a meu lado é o Príncipe Jajá”. O apelido pegou que a massa Colorada nunca mais se esqueceu do Príncipe.

.

RAPIDAS

.

O programa de sábado de Falcão na Radio Gaúcha trouxe especial sobre a conquista da Copa Brasil 1992. Foram entrevistados Caíco e Daniel “Oreco”. Um baita programa.

.

Caíco e Daniel “Oreco”, como todos os jogadores que saem do Beira-Rio, declararam amor incondicional ao INTERNACIONAL.

.

Heber R.L. no apito quarta-feira.

.

É motivo de preocupação para nós. Todo cuidado e atenção serão poucos.

.

Afinal de contas, já nos tiraram o General Bolivar no apitaço lá em Curitiba.

.

F. Carvalho que fique atento!!!

.

INTERNACIONAL prejudicado em Minas Gerais (gol impedido do Cruzeiro) e domingo em penalidade máxima clara sobre Alecsandro que o Sr. árbitro não quis anotar.

.

São 4 pontos sonegados por conta da arbitragem.

.

C. Roth líder do Campeonato Nacional.

.

O coelho ataca novamente...

.

É dose p´ra mamute o noticiário da azenha abordando a mudança de esquema para 4-4-2. Que novidade há nisso ?

.

Engraçado, nenhum comentário do vizinho a respeito da revogação do decreto vigente até 1952 que impedia a “utilização de jogadores de cor” no futebol do portoalegrense.

.

O silêncio diz tudo!

.

Aliás, o que estará pensando o vizinho desta proposta de tolher o direito a voto dos Conselheiros com mais de 60 anos lá na azenha ?!

.

Tchê, vou te contar, que instituição movida a preconceito...

.

Pijamada com a qual convivo só fala de INTERNACIONAL x Corinthians.

.

Tudo bem, é o grande jogo do dia, mas não tem jogo na azenha amanhã hein ?!?!?!?

.

Olho no Caracas pijamada!!! Quem avisa amigo é.

.

96 MIL SÓCIOS. É muita grandeza!!!

.

Rádio BAND fará dupla jornada 4ª feira. INTERNACIONAL x Corinthians no 99.3 FM e Caracas x Portoalegrense no 640AM.

.

Torcida no FM e secadinha na AM.

.

TODOS COM O COLORADO NO PACAEMBU.

.

Vamo INTER! Vamo INTER! Vamo INTER!

.

Saudações rubras, do DONO DA ALDEIA (*38), CAMPEÃO DE TUDO e SEMPRE NA PRIMEIRA DIVISÃO.

.

Luiz Portinho

16 comentários:

San Tell d'Euskadi disse...

Porto,
Não havia decreto nenhum proibindo nada. O que havia era uma prática, cuja aplicação a cada ano tornava-se menos restritiva. Como se pode notar da foto abaixo, de 1950:

http://4.bp.blogspot.com/_tX4OHogPG3o/SSapnbsigEI/AAAAAAAAEdw/2ukQ5DeH8Wk/s1600-h/15374.jpg

O jogador com a camisa do Flamengo é Hermes, transferido naquela temporada do Grêmio para o Flamengo.

Não te esqueças, por fim, que essa prática vigorou no teu clube por mais de dez anos...

Um abraço.

DJ Aldebaran disse...

Tomei a liberdade de fazer uma pequena correção na coluna do Porto. A frequência FM da BAND é 99,3 MHz e não 101,3. Esta é da Guaíba.

Milton disse...

Semi final da libertadores, com o regulamento debaixo do braco. Nao ha quem pare o Gremio!!!

Quanto ao porto e ao jo, nao ha pergunta com resposta...

Crise no beira lago a vista da imprensa, garantido!!!

Carolina disse...

Porto, os documentos apresentados mostram que a mudanca aconteceu antes do torneio comecar. Se quizer provar o contrario, seja homem e va ate o correio do povo conferir. Mas eu entendo, a cabeca ta inchada e doi pensar em futebol nessa semana.

Mas o fato eh que 10 titulos de libertadores estarao disputando uma vaga a finalissima da maior competicao da america. Nao eh pra qualquer um, e contra o cruzeiro da pra passar. Torco pra pegar o estudiantes na final pra vencer uma libertadores contra argentinos.

Milton disse...

Estranho a ausencia de comentarios de colorados. Se esconderam?

Francinei Bentes disse...

Bah, "o melhor elenco do país" ser goleado por um time em crise, que só leva goleada e cujo técnico anda mendigando para treinar outros clubes é humilhante...

Mas levar TRÊS GOLS DA IMPERATRIZ (pesando 102 kg!!!) É MUITA SACANAGEM...

Bruno Coelho disse...

Pois é, antes da final da Copa do Brasil, o pessoal da ala vermelha estava tão confiante... Agora há um silêncio... ;-)

Luiz Portinho disse...

Bruno, o q. eu acho é q. a pijamada tá "soltinha" demais e comemorando antes da hora. Aliás, a alegria de vcs. com os 2 resultados negativos do Colorado revela q. a inveja de vcs. é muito grande.

Luiz Portinho disse...

o que é difícil para pijamada é admitir que o Cruzeiro será o primeiro adversário de verdade nesta edição da Libertadores (o q. me levou a denominá-la, este ano - com toda justiça - de Sudavarzeana). aliás, em 30 pontos disputados contra times da Série A, o aproveitamento de vcs. é de 9 pontos (menos de 30%)... campanha para... para... para... TRI. vcs. querem tanto um TRI este ano q. vão conseguir... TRI-REBAIXAMENTO.

Luiz Portinho disse...

nossa, a pijamada tá eufôrica até com derrota do "Rolinho" Colorado (vide comentario do Francinei)... que ano dolorido para turma da azenha hein!!!

Bruno Coelho disse...

Porto, quem está comemorando antes da hora aqui? Ao contrário de você, respeitamos qualquer adversário, seja fraco no seu ponto-de-vista ou forte. Por isso que temos mais Copas do que vocês. Nossa, como somos “arrogantes” ... :-)

DJ Aldebaran disse...

Rolinho? Não era o melhor elenco do Brasil? Não dá pra justificar pela falta de titulares, cadê a coerência? Ahn, esqueci do DNA INCOERENTE.. Adriano Imperador manda abraços. CRÉU na velocidade 4 pra vocês!

Luiz Portinho disse...

para ti q. comenta resultado é incoerência Aldebaran... para quem olha a tabela do Nacional, faz uma análise perfeita do nível do grupo do Internacional.

Luiz Portinho disse...

bruno, quem está eufôrico com uma semaninha de 2 resultados negativos do Colorado ?!?!?!? acho que a resposta a tal pergunta soluciona a tua dúvida tb...

Bruno Coelho disse...

Porto, o que os caros colegas gremistas fazem aqui é o mesmo que você vive fazendo com o Grêmio. Basta fazer uma análise comparativa entre você e o Adelba, para constatar quem fala mais do time do outro. Portanto, não vejo nada demais. Além disso, o nosso real foco é o Cruzeiro e nada mais. Até mais. :-)

Francinei Bentes disse...

Caro Porto,
É só uma flauta, não te altera.
Como bem disse o Bruno, não seja INCOERENTE, lembre-se que você também fazia troça do Banguzinho perdendo jogos no campeonato gaúcho.

Abraços...