quarta-feira, novembro 11, 2009

Ano III, Número 147


POUCO A DIZER
.
Tenho pouco a dizer. Assim como o restante da Nação Colorada, estou decepcionado com os fatos que se sucedem semanalmente, com resultados ruins, atuações precárias e abaixo do que a folha salarial do clube recomenda. Por isso mesmo, os leitores já devem ter notado, tanto eu como o vizinho passamos a redigir as colunas às quartas-feiras. Talvez seja para ganhar tempo, esfriar a cabeça e não pegar muito pesado com o atual estado das coisas.
.
M. SÉRGIO
.
O personagem da semana do noticiário Colorado é M. Sérgio. A entrevista forte concedida em coletiva ao final da partida em Barueri acirrou os ânimos entre o treinador e a imprensa, acusada de tentar minar o seu trabalho. As declarações posteriores seguiram no mesmo rumo. Hoje o vice de futebol F. Carvalho defendeu a postura de Mário. Quem conhece M. Sérgio não pode estar surpreso, esse é o seu estilo. A defesa de Carvalho também não surpreende. A guerra entre o treinador e a imprensa, com certeza, é premeditada, para desviar o foco das discussões e noticiários em relação aos verdadeiros problemas que abalam as estruturas da equipe.
.
O QUE RESTA I
.
A direção, é claro, ainda fala em títulos. Mas o torcedor há muito tempo já abandonou esta idéia. Este colunista, mais precisamente, a partir de 20 de outubro (coluna n. 144). Ali explicitei minha convicção de que nossa campanha era, efetivamente, de figurante G4. À época emplacávamso 5 pontos em 9 contra Fluminense (empate fora), Atlético-PR (empate casa) e Náutico (vitoria em casa).
.
O QUE RESTA II
.
De lá para cá tivemos 1v (gNAL), 2e (Sao Paulo e Barueri) e 1d (Botafogo). 5 pontos em 12. Pioramos nosso rendimento. Com vitória sobre o Botafogo teríamos o rendimento de G4. Restam 12 pontos a disputar e precisamos conquistar no mínimo 9 para ainda sonhar com uma vaga na Libertadores. E, obviamente, necessitamos de uma vitória contra o Atlético Mineiro, dentro do Mineirão. De nada adiantará cravar 9 pontos contra Santos, Sport e Santo André e perder esta partida contra o adversário direto.
.
PANORAMA
.
Desde 7.outubro (coluna n. 142) tenho afirmado que o Flamengo ficará com uma das vagas do G4. Deve se confirmar. Para o título, o carnê de jogos do São Paulo se assemelha muito com uma avenida de três ou quatro pistas liberada pela frente. Só não conquista se der sopa ao azar. O Palmeiras já perdeu o que tinha de perder e deve ficar ao menos com uma das 4 vagas. O Cruzeiro queimou minha língua e demonstra fôlego no "sprint" final. E tem uma tabela de jogos mais favorável do que a nossa e a do Galo. Agora nossa luta é contra a turma das minas gerais.
.
SANTOS I
.
O jogo contra o Santos é de alto risco. Não só pela possibilidade de um mau resultado e de total eliminação das chances de figurar no G4, mas, acima de tudo, pelo pavil curto da torcida em relação à equipe. Depois do que se viu no pátio após a derrota para o Botafogo, acho bom a diretoria tomar precauções e pedir calma ao torcedor.
.
SANTOS II
.
Na última coluna anotei que Alecsandro não tinha mais clima e estrutura para vestir a camisa do INTERNACIONAL. Fracassou novamente em Barueri. Nova jornada em branco domingo poderá lhe trazer dificuldades para sair do Estádio Beira-Rio. Cheguei a suspeitar que provocaria expulsão no jogo do interior paulista. Não seria mais prudente escalar A. Kardec contra o Santos ?
.
SANTOS III
.
Marquinhos deu resposta em todas as partidas na qual foi chamado a ingressar do banco de reservas na equipe. Além de muita vontade e combatividade, possui técnica invejável, cria lances de perigo e municia os companheiros. Não há justificativas para não figurar na equipe titular domingo.
.
RÁPIDAS
.
Mais constrangedor que o frango de Lauro só o gol que o displicente Andrezinho perdeu.
.
Aliás, o Atlético-MG perdeu golo quase idêntico na partida contra o Flamengo.
.
São lances como estes que fazem a diferença entre times vencedores e times que morrem na praia.
.
Carvalho declarou hoje que 95% do grupo permanece para 2010. Preocupante! Mas isso é assunto para depois do Campeonato Nacional.
.
Só discute 2010 quem não tem mais nada para fazer em 2009...
.
Aliás, que tal as férias da vizinhança hein ?! Resolveram bater uma bolinha e não conseguiram ganhar de um adversário com 8 jogadores em campo. Tchê, dei barrigadas de tanto rir!!!
.
Li hoje que 12 mil ingressos já foram vendidos para o jogo entre INTERNACIONAL x Atlético-MG daqui a duas semanas. Tenho dito que será o grande jogo desta reta final.
.
Digo e repito, o Colorado não pode abrir mão de vencer esta partida histórica.
.
Fluminense, mesmo em recuperação, está a cinco pontos do Botafogo. Dificilmente as coisas se modificação lá na parte debaixo da tabela.
.
Por falar em parte debaixo da tabela, é bom que a tecla "page down" do vizinho esteja funcionando, porque daqui a pouco terá de pressioná-la para visualizar a colocação de seu time.
.
O carioca chiador, paparicado pela imprensa local quando de sua chegada, vai embora sem deixar saudades na turma de pijama.
.
Eu não sei de onde o vizinho tirou que eu considero a Copa Suruga um grande torneio.
.
Agora, antes ganhar Gauchão e Copa Suruga do que passar o ano do centenário em branco e semi-rebaixado para SEGUNDA DIVISÃO, não é meu caro vizinho ?
.
E já deixo uma indagação vivente: tu não trocarias estes teus dois anos de fila por uma TAÇA SUDAMERICANA e uma beliscada na COPA SURUGA que tu tanto desdenhas ?
.
Saudações rubras, do DONO DA ALDEIA (*39), CAMPEÃO DE TUDO e SEMPRE NA PRIMEIRA DIVISÃO.
.
L. Portinho


AUTUORI SAI


Comentei na seção “rapidinhas” da semana passada que o técnico Paulo Autuori teria uma proposta de seu ex-clube, o Al-Rayyan, para retornar ao Catar. Nesta semana, a especulação ganhou força e, pelo que consta, a proposta é daquelas irrecusáveis. Autuori balançou pela proposta, aceitou, e seu destino agora é a cidade de Doha.


AUTUORI SAI II

Paulo Autuori houvera declarado que iria cumprir seu contrato com o GRÊMIO, que teria duração até final de 2010. A direção gremista decidiu não esperar até o final do Brasileiro. Afastou Autuori de imediato e já confirmou que Marcelo Rospide, funcionário do clube, treinará a equipe até o final do Brasileiro.


AUTUORI SAI III

Acho que, com esta saída de Paulo Autuori, o destino acabou dando uma força para o GRÊMIO. Afinal, ficou provado que ele não combina com o futebol gaúcho. Suas declarações de que pegada é algo desnecessário não agradaram a torcida, que vê uma característica histórica do GRÊMIO, e que sempre resultou em grandes conquistas, simplesmente ignorada por alguém que chega de para-quedas aqui no GRÊMIO e quer implantar uma filosofia de futebol fora das características do clube.

O estilo Autuori, que já houvera fracassado nos vermelhos em 99, fracassou no GRÊMIO 10 anos depois.


AUTUORI SAI IV

A única coisa certa é que o próximo técnico tem que ser alguém imbuído com o espírito de raça e pegada característico do GRÊMIO. Dos nomes que surgem por aí, me agrada a volta de Adilson Batista, pois vejo amadurecimento nele desde a primeira passagem por aqui em 2003.


AUTUORI SAI V

Com isto, também fui obrigado a modificar grande parte da minha coluna, que estava praticamente pronta, necessitando apenas de alguns ajustes. Tinha começado a escrever quando a saída de Autuori ainda era uma especulação. Com a confirmação definitiva, resolvi atrasar pra ter uma coluna atualizada e comentar em cima do lance os acontecimentos.


E AGORA, QUEM VEM?

Existe uma especulação muito forte sobre a volta de Adilson Batista, o “Capitão América”, para a casamata gremista. Também existem boatos apontanto pra Silas, hoje no Avaí, e até mesmo Tite. Silas ainda não está pronto, fora que ele gosta do esquema 3-6-1, o que de cara desqualifica ele para o cargo. Tite seria uma piada de mau gosto. Ele tinha um bom time no primeiro semestre de 2001 e conseguiu fazê-lo jogar. Mas depois acabou provando que ele é um Celso Roth que lê livros do Lair Ribeiro.

O diretor de futebol, Luiz Onofre Meira declara que o GRÊMIO terá seu técnico definido até dia 6 de dezembro, data da última rodada do Brasileiro. E deu sinais que o técnico do GRÊMIO seria alguém que está trabalhando no campeonato.

É aguardar pra ver.


O JOGO CONTRA O SÃO PAULO

Jogando contra um time tecnicamente melhor do que o nosso, o GRÊMIO acabou arrancando um empate em 1x1 em uma partida em que tivemos boa atuação, volume de jogo mas não conseguimos vencer. Saímos ganhando, mas acabamos cedendo o empate.

Não achei pênalti no Maxi Lopez no 1º tempo, entendo que pareceu mais falta de ataque do argentino do que propriamente penalidade. No entanto, na etapa complementar teve um lance claríssimo que o juiz só não deu porque não quis.

Logo após o lance do pênalti, duas expulsões pelo São Paulo. Ficamos os 15 minutos finais com 2 a menos, mas não tivemos a calma suficiente para ir lá e matar a partida. Nos acréscimos, mais um expulso do São Paulo.

No final das contas, ficou aquele gosto de que poderíamos ter ganho os 3 pontos.

No próximo sábado, um jogo complicado contra o Cruzeiro onde 1 ponto tem que ser comemorado, já que na era pontos corridos nós perdemos todas que jogamos lá no Mineirão.


RAPIDINHAS

Dia 16/11 haverá uma reunião da direção do GRÊMIO com o procurador do Tcheco para tratar de uma provável renovação.


Haverá também uma reunião com os procuradores de Maxi Lopez. Mas este é bem mais complicado que fique. Os russos não querem prorrogar o empréstimo e o GRÊMIO teria que desembolsar € 1,5 milhão pra ficar com o vínculo do argentino em definitivo.


Mário Sérgio: “eu quero é pau”.


Conhecem o Mário? Aquele que atolou os amargos no ano do centenário.


Perguntaram se o GRÊMIO entregaria contra São Paulo e Palmeiras. Não vai ser preciso, eles estão se afundando sozinhos.


GRÊMIO teria interesse em Thiago Humberto, do Barueri.


Quem tem Andrezinho não precisa de Jonas. Perdeu o gol mais feito do campeonato.


Mais um fiasco dessa direção com as categorias de base: eliminados em casa pro Lajeadense na Copa Arthur Dallegrave.


Mauro Galvão não é mais o diretor executivo do GRÊMIO. Para seu lugar, Cícero Santos. Confesso que desconheço seu currículo.


Alberto Oliveira cotado para ajudar Meira em 2010.


Saudações imortais no 1º colocado no ranking OFICIAL da CBF,


Leonel Knijnik (DJ Aldebaran)
Gaúcho por Tradição e Gremista de Coração

6 comentários:

Luiz Portinho disse...

1) T. Humberto, dizem, está acertado com Internacional.
2) torço p o Adilson desembarque na azenha...
3) e para que o Tcheco renove por mais 5 ou 10 anos...

Luiz Portinho disse...

o Silas é e sempre será treinador de time médio. bom para quem tenta escapar de rebaixamento. do mesmo time do I. Wortman.

Francinei Bentes disse...

Melhores que o Mário Sérgio ambos parecem ser...
Mas que clima de fim de feira em ambas as colunas hein, e que várzea tá nosso futebol... os torcedores do Inter se vangloriando da Suda (que até o virtual rebaixado Fluminense parece próximo de conquistar), do Gauchão e da Suruba no Japão... pelo amor de Deus... voltem anos 70 e 80!

DJ Aldebaran disse...

Essa fórmula de pontos corridos faz isto. Lá pela metade do campeonato a gente sabia que o GRÊMIO estava alijado da briga pelo título. E o time seu demonstrações por todo o campeonato que não chegaria ao G4. E eu digo desde a metade do ano que o GRÊMIO disputaria Copa do Brasil e Sudamericana.

Luiz Portinho disse...

não me levem a mal, mas o INTERNACIONAL ainda está em atividade.
final de feira e férias é coisa da azenha!

Milton disse...

podemos nao ter mais ambicoes no campeonato, mas nao estamos jogando como se estivessemos em ferias. Os ultimos 2 jogos mostram isso.
Alias, o inter so nao esta em ferias pq o GREMIO honra suas cores. Se o cruzeiro tivesse vencido ja tinha acabado p vcs.