quarta-feira, março 25, 2009

Ano III, Número 114

VIDA URGENTE


Permito-me iniciar de forma diferente a coluna desta semana.

Esta semana, dedico totalmente a minha coluna ao pessoal da Fundação Vida Urgente, como uma forma de parabenizar pelo convite que receberam da Organização Mundial de Saúde (OMS) para integrar uma força-tarefa em nível mundial, que tem por objetivo diminuir as mortes no trânsito.

A Fundação surgiu em 1996, 1 ano após a morte de Thiago Gonzaga, filho de Régis e Diza Gonzaga. E até hoje é a luta abnegada de uma mãe pra salvar a vida de outros jovens, que não tenham o mesmo destino de seu filho.

Dou um destaque especial pois perdi muitos amigos em acidentes de carro. Thiago foi um deles. Alem de amigo, Thiago era um grande gremista.


O GAUCHÃO

Se o vizinho diz que a Libertadores deste ano está fácil, o que sobra pro Gauchão?

O jogo contra o São José mostrou que é só colocar um time misto que se chega às finais com tranquilidade. Entramos com os titulares e ganhamos de 6x1 do São José, ao natural. Aliás, o tal Fabiano Cachaça até marcou o 'de honra', mas de nada adiantou. Ele viu o time dele sair do Olímpico com 6 na cabeça.

No domingo, mandamos o 'banguzinho' pra jogar contra a ULBRA (ou contra o Canoas, como se refere a TV Porto Alegre, por determinação da TV Rio de Janeiro). Um jogo péssimo de se assistir, um empatezinho pro gasto. Nem me dei o tranbalho de parar pra assistir. Deixei a TV ligada e parava pra dar uma olhada entre uma cerveja e outra com os colegas.

Mas a própria FGF faz questão de desmerecer seu próprio campeonato. O GRÊMIO jogará contra o São Luiz de Ijuí numa segunda-feira às 19h30min. E o último jogo da fase classificatória acontecerá em uma quinta de tarde.

Neste Gauchão, realmente o que importa é ficar entre os 4, pois daí no mata-mata vira outro campeonato, e mesmo ocorrendo um GRE-nal antes da final do returno, é possível chegarmos na final.


RAPIDINHAS

R$ 70,00 o ingresso mais barato pra ver a SeleDunga no pardieirão? Acho que estão de brincadeira. Se eu ganhar ingresso de graça de alguma rádio capaz de eu ir. Senão, verei o jogo em casa, muito bem acompanhado.


A coluna desta semana atrasou, mas pra mantermos o protocolo, Aurora X GRÊMIO será assunto para semana que vem.


Felipão: "Sonho em encerrar a carreira no GRÊMIO".


Tem torcedor pedindo pra que ele encerre a carreira semana que vem.


O rebaixamento do Xavante é algo que todos nós só temos a lamentar.


Fizeram um alarde no lançamento do ônibus deles pelo fato de não ter a poltrona 36. Só pode significar uma coisa: que eles não se garantem, ou que têm medo que ela venha a ser usada por uma certa dupla que já foi flagrada um dormindo no ombro de outro.


Aliás, impressão minha ou o logo da Volkswagen neste ônibus é AZUL?


Saudações imortais desde a Libertadores da América,

Leonel Knijnik (DJ Aldebaran)
Gaúcho por Tradição e Gremista de Coração

12, 11, 10, 9, 8, 7, 6, 5...

Não há como pensar em outra coisa. Estamos todos na contagem regressiva para o grande dia do CENTENÁRIO DO INTERNACIONAL. O Colorado vive dias de festa. Enquanto o time funciona como uma máquina e desfila soberano pelos gramados do Rio Grande, o torcedor coloca a carne no fogo e festeja a proximidade do dia histórico. Vivemos novamente dias em que a ida ao Beira-Rio é precedida de uma certeza: a vitória. A única dúvida é o placar final. Sábado foi 4x1 contra o Novo Hamburgo e a próxima vítima já deve estar aterrorizada. O INTERNACIONAL se faz respeitar dentro e fora de campo. Todos no Brasil apontam-nos como um dos grandes elencos do futebol pátrio, assim como todos sabem que aqui no Beira-Rio jogará a Seleção Brasileira e aqui no Gigante será disputada a Copa do Mundo. Chegaremos aos 100 anos com muito mais tradições e glórias do que poderiam ter imaginado os irmãos Pope naquele histórico 4 de abril de 1909.


QUARTETO FANTÁSTICO I


Nilmar, Taison e Alecsandro. O INTERNACIONAL possui um trio de dianteiros que vale ouro e causa inveja nas torcidas adversárias, tão carentes de grandes expoentes na arte de colocar a bola no fundo das redes. E no banco de reservas está Walter, um jovem com um talento e um porte físico reservado apenas aos goleadores natos; um atacante da linhagem de Romário. São quatro atacantes mortais. E o melhor de tudo, jogadores de características diversas que se completam quando formam uma dupla ofensiva. Não é exagero dizer que temos um quarteto fantástico em nossa linha de frente.


QUARTETO FANTÁSTICO II


No jogo de hoje, Nilmar e Taison anotaram três tentos cada na goleada de 6x2 sobre o Esportivo em Bento Gonçalves. Sábado Alecsandro jogou porque Nilmar foi liberado em virtude de seu casamento e anotou dois gols na goleada de 4x1 sobre o Novo Hamburgo. A superioridade do INTERNACIONAL em relação aos rivais do interior é tão grande que, mesmo levando goleada, os adversários vibraram, e muito, quando conseguiram anotar seus golzinhos de honra nas duas últimas goleadas.


PARÂMETRO I


Alguns “experts” da imprensa local se adiantam ao comentar a fantástica campanha do INTERNACIONAL no Estadual. Dizem que o Campeonato Gaúcho não pode servir de parâmetro. Não concordo. O certame regional é sim parâmetro e é sim o ponto de partida para a formação de um grande time. Foi assim na década de 70 quando o INTERNACIONAL dominou o cenário pampeano, empilhando oito títulos consecutivos, e, no plano nacional, buscou o Tri-Campeonato com aquele escrete inesquecível de Figueroa, Falcão, Valdomiro e companhia.


PARÂMETRO II


Assistir a este INTERNACIONAL de 2009 jogar é perceber muitas diferenças e evoluções em relação ao time de 2008 e, mais do que tudo, de 2007. O planejamento bem feito confere grande tranqüilidade na tabela e, com isso, cada vez o time aprimora mais seu conjunto. A repetição de uma formação e um time-base poderão fazer a diferença logo ali adiante, quando o certame nacional iniciar. É evidente que o Gauchão não oferece o nível de desafios que teremos pela frente no restante da temporada, mas, sem dúvida, ele é um laboratório espetacular para a formação da equipe.


RAPIDAS

.

Gostei muito das atuações de Danilo na lateral direita. Mostrou conhecimento da posição, grande velocidade, ótima marcação e um apoio consciente e, melhor, com cruzamento qualificado.

.

D. Moraes regressou à zaga em Bento Gonçalves.

.

M. Cordeiro teve ótima atuação; digna de um reserva de lateral da seleção brasileira.

.

Tudo leva a crer que este ano conseguiremos superar a maldição da lateral esquerda.

.

Os três gols anotados por Nilmar são para calar os corneteiros de plantão.

.

Mais: o passe de ombro para o segundo gol de Taison é um lance antológico!

.

Clique aqui e confira os seis gols.

.

Programa esportivo local registrou ontem triunfal vitória do INTERNACIONAL sobre o Peñarol, na Libertadores de 1989. Nosso time contava com Nilson, Heider, Nórton, Aguirregaray, L.C.Winck, Norberto, L.F.Flores e Taffarel no gol. Na ocasião, vencemos lá por 2x1 e aqui no Gigante enfiamos 6x2 nos carboneros.

.

E depois eles é que são copeiros. Só rindo mesmo!

.

Como preconizei na última semana, Uh! Fabiano deixou mais um carimbo na testa da vizinhança;

.

O episódio reavivou aqueles pesadelos dos CINCO-a-dois na mente do vizinho;

.

Uh! Fabiano, o nosso Cachaça de fé, é eterno!

.

Brasil de Pelotas rebaixado depois da derrota, de virada, para o Veranópolis;

.

Agora o Xavante deve focar na Série C do Nacional. Estaremos na torcida!

.

INTERNACIONAL completou 9 vitórias consecutivas;

.

No ônibus do INTERNACIONAL não tem POLTRONA 36, viu vizinho ?!

.

E, por falar em temas azenhanos, hoje é a vez da “Batalha de Cochabamba”.

.

Aliás, chega a comover o esforço do vizinho em valorizar sua campanha na Libertadores. Aurora, Boitatá Chicó e La "U". Por favor, nunca houve um grupo tão pobre na história da competição.

.

Por isso, caro leitor, não perca seu tempo secando hoje.

.

Saudações rubras, do DONO DA ALDEIA (*38) e CAMPEÃO DE TUDO.

.

Luiz Portinho

10 comentários:

Milton disse...

Golaco do inter no segundo gol, e um bonito lance no gol com o passe de ombro. Realmente o inter tem um grupo de atacantes bastante eficiente e um grupo extremamente focado na conquista do grande objetivo do ano, o campeonato gaucho.
Mas nao da pra deixar de notar a qualidade precaria do sistema defensivo do esportivo. Quanta furada em bola e falha em posicionamento! Se tem uma zaga que consagrou o ataque colorado foi essa do esportivo.

O "copeirissimo" inter perdeu pro
nacional em poa, nao?

Nao foi em 89 que o inter chegou ao cenario internacional. Faltou mesmo a tradicao copeira.

Luiz Portinho disse...

olha Milton,

1. como já cansei de escrever, Gauchao para Colorado é sempre uma Copa do Mundo! nunca desprezados o nosso campeonato regional.

2. o Colorado nunca se disse copeiro... ao contrário dos azenhanos que, mesmo depois de levar 5-0 do Boca Jrs (inédito na história de finais da Libertadores), de ficar em 4o lugar na fase classificatória da Libertadores (em grupo com paraguaios - bah!), de perder para o DIM da Colombia, de empatar contra o Estudiantes com 7 jogadores em campo e transformar isso em batalha; e, mesmo assim, essa turma ainda vem tirar onda de copeira... o copeirismo da azenha se limita a bater emelecs e atleticos da colombia... (e isso tudo para não falar nas eliminação para o Atlético-GO no ano passado na Copa Brasil).

jo disse...

portinho:os caras são copeiros sim!Vivem servindo taças pras nós...A fábio koff vai ser servido pelo próprio dentro do beira - rio pro guinazu!!

Luiz Portinho disse...

pensei que com todo o atraso o aldebaran fosse comentar a épica vitória sobre o Aurora em Cochabamba... algum de pijama sabe informar se vira DVD ?

DJ Aldebaran disse...

Semana de entrega de site é assim. A coluna acaba atrasando invariavelmente. Acho que quando eu tiver site pra entregar na semana eu vou passar a bola pro Sancho.

Carolina disse...

Engracado o porto falando de libertadores contra gremista. Quem ganha libertadores num ano e eh eliminado na primeira fase no ano seguinte nao tem muito a falar, especialmente quando a LDU parece que vai pagar o mesmo mico neste ano.

Porto, as batalhas do gremio ainda te incomodam? Andaste vendo o filme "Inacreditavel" de novo nao eh? :)

gremiodecoracao disse...

Olá x) primeiramente, eu sou Grêmista x) adorei o blog de vocês, irei frequentar.

Alias, nosso time há de melhorar! Nunca dissemos que o Gauchão seria prioridade neste ano, mas não podemos largar de lado....


visite o meu blog? obrigada.


abraços

San Tell d'Euskadi disse...

Não entendo essa de jogar com os titulares na segunda-feira. Pode dar certo, mas creio ser mais lógico alternar os times: (a) jogar com os reservas contra o São Luiz; (b) utilizar os titulares contra o Caxias; (c) voltar com os reservas nas quartas-de-final (se classificarmos); (d) botar os titulares contra o Aurora; (e) disputar a semifinal com os reservas (se classificarmos); e (f) botar os titulares para jogar a final da TFK e do Gauchão (se classificarmos).

Luiz Portinho disse...

carolina, eu sou o maior fã da batalha dos aflitos; como bom Colorado adoro vê-los e revê-los na SEGUNDA DIVISÃO! aliás, aguardo ansiosamente o 3o episódio da saga. obrigado pela leitura assídua. saudações rubras, Porto.

Carolina disse...

Hehehe, boa Porto, mas vai ficar por isso mesmo ate o inter igualar o feito :)

O que foi o jogo do brasil heim? Pelas barbas do profeta...